O ÚLTIMO ENGANO DE FÁTIMA -- 04/01/2003 -

 

O texto abaixo é um capítulo do livro “A ARRISCADA PRETENSÃO DE SABER O FUTURO”, que editei em agosto de 1999.

“A igreja já deu, finalmente, autorização de alertar às pessoas acerca da mensagem de Fátima. A Virgem apareceu a três crianças, uma das quais ainda é viva, a irmã Lúcia. Ela vive em Portugal e é irmã religiosa. Lúcia entregou a profecia ao Papa Pio XII. Quando o Papa leu a mensagem ficou chocado. Com o conhecimento que teve, pôs a mensagem de lado e nunca a deu a conhecer. Após a morte de Pio XII, o papa João XXIII disse que a mensagem iria ficar aonde estava: ‘guardada como um segredo’. O Vaticano não quis revelar a mensagem, visto ter receio do que o povo iria fazer e o dano que poderia causar. Após a morte de João XXIII, o Vaticano lembrou a Paulo VI a mensagem que lá havia. O Papa Paulo VI leu a mensagem e também ele ficou bastante angustiado com o que lá havia. Ele apenas permitiu que parte da mensagem fosse dada a conhecer ao mundo. Isto em 1963-1964. Ele assim fez porque não havia já muito tempo a perder e porque Nossa Senhora disse a Lúcia: “Vai minha filha e apregoa no mundo as coisas que vão acontecer entre os anos 1950-2000. Os homens não ouvem os mandamentos que o Senhor lhes deu. O demônio reina no mundo e põe-vos a odiar uns aos outros. Estão a fazer armas capazes de destruir o mundo em poucos minutos. O mal permanecerá entre os homens e o demônio lançará a semente da discórdia entre eles. Muitos perderão a fé. A metade da humanidade será destruída e dias difíceis virão para a Igreja. Farão guerra a Roma e as Ordens religiosas vão ficar umas contra as outras. Os fracos e os menos bons cairão. Deus irá deixar que os elementos materiais, tais como: carvão, fumo, água, saraivadas de fogo, chuva, mau tempo, invernos muito frios e tremores de terra pouco a pouco destruam a vida no mundo. Aqueles que vão morrer não crêem em DEUS. Esses são aqueles cujas vidas só se guiaram pelo materialismo. Milhões deles morrerão dentro de poucos segundos. Os que sobreviverem desejarão também estarem mortos com eles. É inimaginável o que está por vir, mas vai vir com certeza e o senhor vai castigar os que não acreditam. Todos os que acreditam e são fiéis sobreviverão e ainda vão acreditar mais. Chamo a todos a que venham para o meu Filho. Senhor, ajuda o mundo e aqueles que não prestam atenção, porque então ainda vai ser muito pior para eles. Padre Agostinho, de Roma, e que está em Fátima, diz que o Papa o autorizou a visitar a Irmã Lúcia, diz ele: Lúcia recebeu-me com muita tristeza e está muito triste porque ninguém se interessa pela profecia que fez em 1917. Os bons seguem os seus caminhos sem estarem interessados na mensagem do céu. Os maus seguem pela estrada larga que os levará à perdição. Acredite-me Padre, o castigo virá em breve e muitos serão destruídos. Nossa senhora está triste por causa disso, pois Ela disse-me que vão se perder muitas almas. Muitas nações vão desaparecer da face da terra. No meio de tudo isso, se houver arrependimento, oração e bondade, o mundo salvar-se-á. Se não houver emenda, o mundo não será salvo, porque chegou a hora em que todos devem começar a rezar, a fazer penitência e passar a mensagem às famílias e amigos e a todo mundo. Estamos perto dos dias antes da catástrofe. Por causa da catástrofe, virão novamente para o seio da Igreja Católica: Inglaterra, Rússia, China, os protestantes e os Judeus, e todos prestarão culto e acreditarão em DEUS, Nosso Senhor Jesus Cristo e em Nossa Senhora Virgem Maria. Talvez alguns digam que o papa e os bispos ainda estejam esperando pela mensagem do arrependimento e da oração. EU, mãe de DEUS vos digo: Começai já a rezar e a fazer penitência pelo arrependimento e conversão do mundo, porque já não há muito tempo para isso. Por toda a parte vão falar de paz e segurança, mas o castigo sempre virá”. Um homem de alta posição será assassinado, isso dará asa à guerra e à revolução. Será chamado um exército poderoso que marchará pela Europa a dentro e a guerra atômica começará e destruirá tudo. Grandes nuvens após a explosão irão matar tudo. Haverá escuridão na Terra durante 72 horas. Um terço da humanidade que irá escapar às 72 horas de escuridão irá viver numa nova era. Serão pessoas boas. Numa noite fria, dez minutos antes da meia-noite, um grande terremoto estremecerá a Terra durante 8 horas. Este Será o sinal de que os bons e aqueles que espalharem a mensagem nada têm a temer.” (Reinaldo Ferraz, “O Apocalipse”, página na internet).
A catástrofe deveria acontecer entre os anos 1950 e 2000, ocorrendo a “guerra atômica, também um “grande terremoto” com duração de “oito horas”.

Dizem que estas coisas foram ditas em 1917. Mas desse conteúdo só viemos a tomar conhecimento recentemente.
O mês sete de 1999 foi dado por Nostradamos como data de grande conflito.
Passado julho de 1999, restou esperar setembro e outubro, uma vez que, como astrólogo, Nostradamus teria usado o calendário antigo, no qual o mês sete correspondia ao período do signo de LIBRA (23/09-22/10). Nostradamus nasceu no ano seguinte ao nascimento do Papa Gregório, mas faleceu antes que Gregório criasse o nosso atual calendário.
Nada acontecendo em 1999, não surgindo, nem da terra, o rei do terror, o que dizerem os intérpretes de Nostradamus?
Termina o meio século em que deveria acontecer a terrível destruição da Virgem de Fátima.
Muitos perderão a fé”, teria dito a Virgem. Isso se cumprirá, passado o ano 2000 sem que nada predito se cumpra.
Breve o mundo saberá se a razão está com o Vaticano ou com o Padre Mário de Oliveira (mensagem divina ou ilusão de crianças?)” (João de Freitas, “A Arriscada Pretensão de Saber o Futuro”, agosto de 1999, págs. 129 a 136).

OBSERVAÇÃO: Como havia perdido os dados existentes no computador, em 3 de janeiro de 2003 fui pesquisar o nome Reinaldo Ferraz, mas não encontrei mais a página, que ainda havia visto no ano anterior. Encontrei uma página de Reinaldo Ferraz http://www.apocalipse2000.com.br/), mas dela nada constava sobre o caso.

Verificando a palavra “segredo de Fátima”, encontrei o texto com várias alterações em uma página chamada “SEGREDO DE FÁTIMA”, na qual, em vez de “as coisas que vão acontecer entre os anos 1950-2000”, está registrado que “Estas coisas de todos os modos acontecerão antes do ano de 2002.” Esse também já se desatualizou. Antes que essa desapareça também, vejam o endereço abaixo:
http://www.360portugal.com/Distritos.QTVR/Leiria.VR/Patrimonio/Santuario_Fatima/Segredo_P.html

 Em 26 de junho de 2000, versão diferente foi divulgada:
A Irmã Lúcia repetiu sua convicção de que a visão de Fátima se referiu à luta dos ateus comunistas para acabar com o cristianismo e descreveu o terrível sofrimento das vítimas da fé no século XX", diz o documento.”
http://www.apocalipse.org.br/noticias/3segredo.htm
A imagem ao lado, diz o autor ser "Um trecho do segredo manuscrito pela Irmã Lúcia em 1944"

Ver NOVA VERSÃO DIVULGADA NA WIKIPÉDIA.